sábado, 21 de agosto de 2010

ZineRS dá um tempo (por tempo indeterminado)

Esta editora está literalmente como na figura a cima:
emprego+tcc+4 cadeiras na faculdade+família+amor=MUUUUUUUUUITA COISA!
Então por isso o ZineRS, que já estava em período de reformulação, vai ficar desativado por um certo tempo...
O que acontece depois ninguém sabe, volta...não volta... Impossível saber.
Mas com certeza alguma coisa boa deve nascer deste projeto que tenho ainda muito carinho... Nasceu impresso, rodou o país e virou este blog e agora merece este tempinho para renascer ainda melhor.

Até a volta e lembrem-se: SE FOR FAZER FAÇA BEM FEITO E APROVEITE OS ESPAÇOS COM RESPONSABILIDADE.

Carol Anchieta
@carol_anchieta
ziners@gmail.com

sexta-feira, 28 de maio de 2010

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Festa Boa com o Vilão dos toca discos


Festa Boa com Dependentes e Sevenlox


Como sempre a Festa Boa se supera a cada edição, além de começar a receber convidados de fora do estado como KL Jay e Emicida (dos quais que não há fotos aqui por problema técnicos, me perdoem) como mesmo sem convidados consegue reunir amigos de toda cena.

Nesta última esdição teve de tudo um pouco: amigos da antiga, som da antiga, gente do gente do skate até quem sabe um futuro patrocinador da festa, hehehe (só quem ficou até o final entende a piada, né Sandro?). E no palco Dependentes e Sevenlox.

Bom, Festa Boa com os dois melhores grupos da cena já imagina no que deu né?

Confere nas fotos que eu não estou mentindo.

OBS: Na próxima sexta feira tem DJ Cia (RZO-SP) no Bar Labodeguita, vai perder? Em breve posto aqui o flyer!

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Dj Tom (SP) - Tocar até o final pra quê?


Confere aí como foi o show do Dj Tom no Café Segredo na noite da última quinta feira dia 13 de maio.

Eu nunca tinha ido a uma festa dele achei bacana, muitos hits e alguns momentos "Gê Power nostálgico" com clássicos dos anos 70 e 80.

Dj Tom para quem não conhece é irmão do DJ Cia (RZO-SP) e tem vindo ao estado faz pouco tempo mas já é bastante lembrado pelos gaúchos.

Uma coisa me chamou a atenção: o cara não toca as músicas até o final???(!)

Sinceramente não estava entendendo, imaginei que seria para manter o povo dançando sem perder o pique. Aí, segundo meu namorado (MilkShake-Sevenlox) é uma coisa meio tendência lá prá cima do país e que na verdade só os dj's daqui tocam as músicas praticamente até o fim. Bom, vai ver eu que estava desinformada... Eu particularmente fui me acostumando aos poucos durante a festa, mas em fim, a pista lotada acho que se adptou mais rápido, é só conferir nas fotos (vai ver to ficando enferrujada).

Para quem quer saber mais deste novo nome, que embarca logo, logo para o exterior, é só seguir o cara: @djtombrasil

segunda-feira, 10 de maio de 2010

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Pisante novo... Novo?

Uma super dica legal no no blog A2MR que eu indico no DearCarolForYou.

A Adidas fez um tênis para quem curte o street wear e não pode nem ver um "sapatênis".

O modelo vem com uma espécie de capa que prende com zíper e pronto: TÁ LÁ O SAPATO!
Boa dica para aqueles eventos mais "granfinos" ou quando a namorada dá uma reclamada do velho e companheiro Adidas ou All Star de mil anos...




terça-feira, 4 de maio de 2010

Thaíde repórter... ?

Estréia hoje às 22h15, “A Liga”. Em “A Liga”, os apresentadores são Thaíde, Rafinha Bastos, Débora Vilalbae Rosanne Mulholland (com participação de Tainá Muller em vários episódios). N

No programa os apresentadores vivem diferentes realidades. Tudo com aquela coisa humorística...Com o Rafinha Bastaos no comendo não ia ser diferente...

Criado pela Eyeworks-Cuabro Cabezas, o programa foi Indicado ao Emmy (Oscar da Televisão). Também foi vencedor do New York Fetivals 2009 nacategoria Melhor Reportagem Investigativa, e do Prêmio Martin Fierrode Jornalismo.

Eu sinceramente to curiosíssima para ver o Thaíde de repórter, ele se saiu muito bem como apresentador na época do Manis e Minas...
Agora sair na rua, fazer externa , eu como estudante de jornalismo (quase formada e que trabalha com isso todo dia) sei que não é fácil.... Mas, se ele está lá não deve ser a toa, to curiosa para ver se vai haver uma relação reportagem X hip hop da parte dele.
Essa hora estarei na faculdade, se alguém assistir por favor me conta...Vou querer saber opiniões antes de catar no youtube.

Segue abaixo video promocional do programa:


sexta-feira, 30 de abril de 2010

Para ter o privilégio de ouvir Bira Matos cantar...




NO DIA 8 DE MAIO DE 2010
FESTA DE LANÇAMENTO DA MIXTAPE "TIME DOS SONHOS"
NO BATEMACUMBA, AV.JOÃO ALFREDO, 701, CIDADE BAIXA, POA-RS
INGRESSOS ANTECIPADOS A VENDA COM OS GRUPOS OU NA LOJA PIER STREET (galeria chaves, loja 8, centro, poa) A *10 REAIS*ultimas unidades do lote antecipado promocional
INGRESSO NA HORA A 15 REAIS.

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Por Noise D...Discorda?

Faz tempo que não escrevo neste blog... Ele não está abandonado, nem eu estou por fora do que anda acontecendo na cena (o radar está sempre ligado) falta é tempo mesmo.

Mas hoje lendo algumas coisas encontrei um ótimo texto de um querido amigo, e faço questão de didivir com vocês. Peço então licença ao Noise D (na foto) para reproduzir na íntegra aqui as palavras dele, que no mínimo, nos fazem pensar.... Sobre o hip hop é claro.

Texto: Noise D
Hip-Hop, 35, Bambaataa e funk carioca
35 anos de cultura Hip-HopA cultura Hip-Hop está fazendo aproximadamente 35 anos de vida este ano. Desde seu surgimento, nos guetos do Bronx, bairro de maioria negra, em Nova York, até os dias de hoje, muita coisa mudou. Evolução ou não, o Hip-Hop hoje conquistou os quatro cantos do mundo e leva aos jovens informação e diversão.A realidade é que cada um de nós idealiza uma cultura Hip-Hop.

Difícil atualmente tentarmos expor a cultura, explicando valores e princípios básicos - que na minha opinião ainda existem e vigoram - a uma juventude que é basicamente ligada a música Rap e ainda não despertou para a profundidade dela. Mas a cultura tá aí, firme e forte, e cada vez mais globalizada, com suas características estruturais - a dança, o Graffiti, e a música (DJ E MC) -, conquistando cada vez mais adeptos e o respeito do mercado da música e da mídia de massa.

Mas, como disse, cada um de nós, cada empresa, cada veículo, cada grupo, parece ter sua visão a respeito do que seja o Hip-Hop. A cada dia que passa, me parece, torna-se mais e mais difícil conceituar a cultura de forma acertada. Na minha opinião isso vem ocorrendo devido a perda de valores fundamentais. E essa perda vem se dando, em primeiro lugar, pela própria ação de artistas e também veículos especializados.Algumas pessoas costumam ficar contrariadas quando começo com esse assunto.

Me chamam de "tiozinho", dizem que parei no tempo ou que não tenho capacidade de assimilar a evolução das coisas. Eu respeito. Mas não me cansarei de defender àquilo que considero de real valor para a cultura, que são seus princípios básicos de luta, como o respeito a diversidade, paz, união, diversão e informação. Tudo isso com positividade. Não consigo imaginar o Hip-Hop com suas estruturas fundamentadas ou relacionadas a qualquer aspecto negativo. É essa a cultura Hip-Hop que idealizo e pela qual luto diariamente para tornar cada vez mais viva. Veja, eu sei muito bem que sua origem vem de aspectos, por assim dizer, negativos.

O Hip-Hop surgiu devido as condições adversas em que viviam, em especial, os negros nos guetos americanos. Mas aí reside o grande mérito da cultura: transformar o negativo em positivo. Nesse ponto é que encontramos a maior diferença, se a compararmos com outras culturas da moda e da música pelo mundo. É a luta diária por superação. A perseverança no certo. A busca por um mundo melhor, onde todos possam usar e abusar da liberdade de expressão, mas com responsabilidade e educação. Mas não é isso que vemos a indústria promover...Assim como as tragédias que vem inundando nossas televisões, jornais e portais de notícia pelo mundo afora, parece que são os aspectos negativos da cultura Hip-Hop que ganham maior destaque. Parece um ciclo vicioso.

As pessoas parecem se alimentar da negatividade e repassam negatividade, sem muitas vezes nem perceber. E o que me deixa mais entristecido é que os principais responsáveis por isso são os próprios artistas. São eles os protagonistas desta negatividade. E, como se não bastasse, além de propagá-la ainda procuram vincular a cultura a outras culturas e elementos da vida com aspectos obscuros. Triste realidade. Triste "alimento" que milhões de jovens, pelo mundo afora, ingerem, sem sequer "olhar seus valores nutricionais", como sendo "Hip-Hop".Afrika Bambaataa, Hip-Hop e o funk cariocaEnquanto isso, acompanhamos a passagem de um dos pais da cultura Hip-Hop pelo Brasil, o DJ e Zulu King Afrika Bambaataa.

Dessa vez Bam realmente resolveu visitar várias cidades do país, passando não somente por Rio de Janeiro e São Paulo, mas indo a Porto Alegre, Salvador e outras localidades. A respeito de suas apresentações e, principalmente, de suas palavras em palestras, vamos colhendo, aqui e ali, algumas impressões, notícias e opiniões. E não é que, de quem menos se esperaria alguma postura duvidosa, vem a polêmica? O King Zulu afirma categoricamente, com seu clássico tom conciliador: "o funk carioca faz parte da cultura Hip-Hop". Não é de hoje que ele faz essa afirmação. Todo respeito ao mestre e "pai do Hip-Hop", mas mesmo como membro da Zulu Nation Brasil que ainda sou, com muito orgulho, sou obrigado a discordar.

Bambaataa, durante suas apresentações, mal toca música Rap. Seu set passa muito pouco, por exemplo, das clássicas músicas que marcaram época, de grupos como Public Enemy, KRS-One, A Tribe Called Quest, Run DMC, Beastie Boys e tantos e tantos outros ícones da música Rap. O que se escuta é muito funk carioca. O pancadão made in brazil. E muitos deles, com letras da pior espécie, que tratam a mulher como objeto, banalizam o sexo e a violência. Falam de putas, de popozudas, do rebolado erótico da mulata.

Falam dos AK-47, das bazucas, das pistolas automáticas e em metralhar a polícia. Fazem apologia às drogas e promovem o descompromisso e o desrespeito alheio. É esse o funk carioca que se quer propagar? Vejam, eu respeito muito os artistas e articuladores do funk carioca. É uma manifestação legítima brasileira. No entanto, não sou obrigado a respeitar àquilo que vai de encontro a meus valores e princípios como homem.A cultura Hip-Hop, que conheci, estudei, idealizei e aprendi a admirar, passa longe da negatividade. É uma cultura de realidade, amor e verdade, que transmuta, transforma o negativo em positivo.

Que me perdoem àqueles que acham que sou contra a "evolução das coisas", mas prefiro continuar com meus ideais intactos a ter de aceitar uma "nova cultura Hip-Hop" envolta em egoísmo, competitividade sem parâmetros e violência, seja na forma que for.


Continuarei lutando pela ética, bom senso, paz e o respeito ao próximo, por que acredito ser esses princípios operantes na cultura Hip-Hop.Salve o verdadeiro Hip-Hop! Suas raízes no Bronx e os guerreiros que ajudaram a construir e se foram, e aqueles que estão vivos e lutando por um mundo melhor. Tamu junto!

sexta-feira, 16 de abril de 2010

FESTA BOA!


FESTA BOA NO LABIRINTONO

SOM: DJ DEELEY, DJ FEIJÃO e MILKSHAKE

ELAS FREE ATÉ A MEIA NOITE

CEVA EM DOBRO ATÉ A 1h


NOMES NA LISTA: festaboa.festaboa@gmail.com

segunda-feira, 5 de abril de 2010

sábado, 20 de março de 2010

Marca para sempre...

Pequena e sincera homenagem do ZineRS para uma mulher que contribuiu para a construção da cena nacional do hip hop, e que faleceu justamente após a sua continuidade: depois de dar a luz...

Meus sentimentos a toda família e aos que conviveram, trabalharam, compuseram e rimaram com ela.

Boa passagem e um bom descanso para DinaDi.

quinta-feira, 18 de março de 2010

Mais skate on line

O Programa Cidade Skate lança o novo blog com duas novas sessões, CONEXÃO IAPI, com os novos talentos de Porto Alegre e a sessão FOTOS com making off das gravações do programa.
O lançamento do blog estreia com uma entrevista, dividia em 4 partes, do atleta de Luan de Oliveira. vencedor do Tampa 2008 e 2009, a mais importante competição amadora do mundo. Luan explica um pouco da sua correria no skate até agora, quando passou para profissional, categoria que o recebe como uma das maiores promessas do skate brasileiro.
Quem conhece o Cida sabe que ele se joga sempre de corpo e alma em todo projeto que se refere a skate, então com certeza vale a pena acompanhar, acessa lá:

terça-feira, 16 de março de 2010

E que comece 2010!

Fim de férias e cá estou eu novamente de corpo e alma no ZineRS!
Sentiram saudade? Não? Putz... Bom, se não sentiram é até compreensível por que esta editora aqui teve um final de ano um tanto conturbado e deixou (confesso) este querido blog um pouco de lado só fazendo postagens eventuais, quando dava ainda por cima...
Mas são coisas da vida de uma estudante de jornalismo, fazendo 5 cadeiras, trabalhando o dia inteiro, apresentando um jornal ao vivo todos os dias (TV Unisinos Canal Futura - Canal 32 da NET, Às 12:30)

Mas um novo ano já está aí a mil e eu, a um ano da formatura na faculdade de jornalismo me sinto com cada vez mais vontade de escrever e melhorar este veículo. E como todo mundo eu fiz promessas de fim de ano em relação ao Blog entre elas estão:
*ATUALIZAR PELO MENOS UMA VEZ POR SEMANA;
*DISPONIBILIZAR CONTEÚDOS PARA BAIXAR (AINDA NÃO PENSEI O QUE EXATAMENTE);
*DAR MAIS ATENÇÃO AO TWITTER DO BLOG (AFINAL É UMA ÓTIMA FERRAMENTA PARA SE CHEGAR AOS LEITORES);
*FAZER MAIS PARCERIAS ;
* DAR MAIS ATENÇÃO A ARTE VISUAL (QUE PARTICULARMENTE GOSTO MUITO);
*E (ESTE É O MAIS LEGAL DE TODOS) TRAZER O ZINERS DE VOLTA NA VERSÃO IMPRESSA!!!!!

Siiimmmm, este último tópico é o meu sonho mais legal! Quem pegou ZineRS nas mãos, folhou suas páginas e sentiu o cheirinho do papel recém saído da gráfica, e viu que ali tinha só conteúdo da nossa cena gaudéria, sabe do que estou falando, por que deve ter dividido o orgulho comigo.
Bom, mas para alcançar tudo isso TRABALHAR É PRECISO!!!!
Sugestões são muito bem vindas: ziners@gmail.com

Para começar dou a dica da semana que é na verdade a que mais apareceu neste blog nos últimos tempos: FESTA BOA!

Neste sábado tem mais um edição (que estão ficando cada vez mais legais) e quem perder...bom perdeu né? Confere aí alguns melhores momentos de outras edições da festa...Mas só um pouquinho... Só para começar a dar aquela coceirinha de vontade de ir...


quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

ATENÇÃO: FESTA BOA MUDOU DE LUGAR NESTE SÁBADO 06/12


Eu ainda estou em férias mas dei uma pausa na sombra e água fresca para dar a notícia de mais uma Festa Boa.

A única que consegue reunir todas a vertentes do hip hop portoalegrense na mesma noite, no mesmo recinto e PASMEN: dançando ao som do mesmo som, ou seja, como diz o título deste post esta festa é INDISCUTIVELMENTE a melhor.

ATENÇÃO: FESTA TRANSFERIDA PARA O BAR La Bodeguita!

www.labodeguitabar.com.br

Rua General Lima E Silva, 426
Porto Alegre - RS, 90050-101
(0xx)51 3028-2998